Segurança

Lossio cumpre promessa e entrega mais uma creche

 

Rio Corrente recebe com muita alegria a nona unidade do Nova Semente

Satisfeita com o novo equipamento público, a gestora da unidade, Gleice dos
Santos, revela que a comunidade recebeu com muita alegria e satisfação o
programa Nova Semente. “As pessoas estão muito empolgadas, o bairro tem uma
demanda grande de crianças sem acesso a educação infantil. Já estamos nos
articulando para abrir mais uma creche aqui no bairro”, informou.

Com entusiasmo devido o resultado do programa, o prefeito Julio Lossio falou
da sua alegria em estar cumprindo o seu compromisso de inaugurar uma creche
por semana. “Hoje é mais um dia importante para a nossa gestão. Isso está
virando uma marca não só em Petrolina, mas em todos os lugares por onde
passo, até em Brasília as pessoas já comentam sobre o Nova Semente”,
ressaltou.

O programa atende a crianças de 0 a 6 anos de idade, oferecendo cinco
refeições diárias e uma assistência de 12 horas. Os pequenos recebem
acompanhamento médico, nutricional e pedagógico, uma vez que um dos
objetivos é que saiam da unidade alfabetizados. O trabalho pedagógico
aplicado nas Unidades do Programa Nova Semente é baseado em leis e
fundamentações legais voltadas a um atendimento de qualidade, respeitando a
criança dentro do seu contexto de aprendizado.

De acordo com a coordenadora pedagógica Poliana de Castro, as unidades
obedecem aos critérios para um atendimento que respeita os direitos da
Criança e do Adolescente (MEC), garantindo o seu desenvolvimento na
construção dos saberes vivenciados em cada faixa etária, tendo atenção à
questão dos alunos que apresentarem dificuldades na aprendizagem,
respeitando os seus limites e maturidade, promovendo acompanhamento
especializado.

Poliana lembrou também que segundo as Diretrizes do Conselho Nacional de
Educação Infantil (DCNEI), a proposta Pedagógica da Educação Infantil deve
ter como objetivo garantir à criança o acesso à apropriação, renovação e
articulação de conhecimentos e aprendizagens de diferentes linguagens, assim
como todos os direitos assegurados no ECA (MEC). “Nós estamos trabalhando a
parte pedagógica do programa, tomando como base as Diretrizes do Conselho
Nacional de Educação Infantil, Lei de Diretrizes e Bases (LDB), Plano
Nacional de Educação (PNE), Fundamentações Teóricas (Vygotsky, Piaget, Paulo
Freire, Wallon) dentre outros”, informou.

Foto:farnesiosilva
Informação:Assessoria de Comunicação Social
Prefeitura Municipal de Petrolina – PE

 

Previous post

Motoboy faz zig zag e provoca dez mortes na BR 407

Next post

Quem bate em mulher fere a família

thiago

thiago

No Comment

  1. Eildo Coelho
    4 de dezembro de 2010 at 11:10 —

    Olha Farnésio não sei porque ainda tem gente de coração tão duro, a ponto de criticar um projeto tão bonito, pessoas dessa estirpe não têm um pingo de sensibilidade, talvez por terem seus filhos em escola particular, e estarem pouco se lixando para os mais carentes.

Leave a reply