AdministraçãoChuvas

PETROLINA REDUZ ÍNDICE DE INFESTAÇÃO DO AEDES AEGYPTI

blogqsp.dengue

O resultado do primeiro Levantamento de Índice Rápido de Infestação por Aedes aegypti (LIRAa) de 2016 aponta 0,7% para infestação predial do mosquito. O índice, que foi reduzido em 1,1% em relação à última pesquisa, é considerado de baixo risco para epidemia.

Entre os bairros com maior infestação do mosquito estão Dom Avelar, Terras do Sul, e São Jorge, com 1,9%, em seguida vêm João de Deus, Loteamento Bela Vista e Loteamento Nova Vida com 1,6%. Já os bairro com menor índice foram Jardim Brasília, Cohab VI, Alto do Cocar, Jardim Amazonas, Gercino Coelho, KM 2, Vila Mocó, Palhinhas, Vila Eduardo, Loteamento Nova York, Loteamento Recife, Vila Débora, Vila Marcela, Vila Carolina, Areia Branca, Maria Auxiliadora, Caminho do Sol e Dom Malan. Todos com 0% de infestação.

“Toda a equipe da gestão Julio Lossio está trabalhando bastante para proteger o nosso município do mosquito Aedes e conseguimos reduzir o risco de epidemia, mas temos bairros que ainda oferecem grande risco. Vamos intensificar algumas ações nestes bairros, pois não podemos descansar. Precisamos continuar nessa luta, pois se o mosquito mata, ele não pode nascer”, disse a secretária de Saúde, Lucia Giesta.

Veja alguns cuidados para evitar o Aedes Aegypti

Mantenha bem tampados: caixas, tonéis e barris de água; Coloque o lixo em sacos plásticos e mantenha a lixeira sempre fechada; Se for guardar garrafas de vidro ou plástico, mantenha sempre a boca para baixo; Não deixe a água da chuva acumulada sobre a laje; Encha os pratinhos ou vasos de planta com areia até a borda.

Eneida Trindade

Previous post

MORRE, AOS 69 ANOS, O CANTOR DAVID BOWIE APÓS LUTA CONTRA CÂNCER

Next post

DIRETO DE CASA NOVA

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Enter Captcha Here : *

Reload Image