Cidades

POLÍCIA DESOCUPA PREFEITURA DE YPOJUCA

Vereadores de oposição à gestão interina foram atingidos por spray de pimenta (Foto: Cortesia)

Três horas após moradores ocuparem o prédio da Prefeitura de Ipojuca pedindo mais agilidade na convocação de novas eleições no município, nesta sexta-feira (6), houve uma confusão envolvendo manifestantes e guardas municipais. Vereadores foram atingidos por spray de pimenta no tumulto. A gestão negou que isso tenha acontecido dentro do edifício.

LEIA TAMBÉM
» Moradores ocupam prefeitura de Ipojuca por novas eleições

A gestão interina é do novo presidente da Câmara, Irmão Ricardo (PTC), aliado do ex-prefeito Carlos Santana (PSDB), derrotado no pleito de outubro. O mais votado, Romero Sales (PSDB), foi impugnado pela Justiça Eleitoral por ter sido condenado por improbidade administrativa quando era vereador.

O Tribunal Regional Eleitoral de Pernambuco (TRE-PE) chamou novas eleições e marcou para 24 de janeiro a sessão que definirá os detalhes do novo pleito. Antes disso, Santana entrou no TSE com um recurso para tentar tomar posse, caso que pode chegar ao Supremo Tribunal Federal (STF).

Como a previsão do TRE-PE para a nova votação é abril, os manifestantes afirmam que há a possibilidade de organizá-la em um prazo menor e reivindicam celeridade no processo à Justiça Eleitoral. O grupo chegou à prefeitura por volta das 7h30, afirmando que ocupariam a sede da gestão municipal até a chegada de um representante do tribunal.

Segundo os moradores, a confusão começou quando cinco vereadores que apoiam o movimento chegaram ao prédio, por volta das 10h30. São eles: Gilmar (PTC), Alberico da Cobal (PMDB), Washington (PHS), Pastor Rildo (PTC) e Genival (PTN). Guardas municipais usaram spray de pimenta para dispersar o protesto e houve correria. Alguns manifestantes chegaram a pular as janelas para sair do prédio.

Com a desocupação da prefeitura, os vereadores subiram em um trio elétrico que parou em frente ao local e fizeram discursos para que a reivindicação fosse mantida.

Com a previsão de novas eleições, apesar do recurso do adversário à Justiça Eleitoral, Romero Sales já anunciou o nome da esposa, a servidora pública Célia Sales (PTB), para disputar no seu lugar. O pré-candidato a vice na chapa é Leno Alves, do PTN, que também disputou em outubro.

Blogdojamildo

 

Previous post

DIRETO DE MONTE SANTO

Next post

SECRETARIA DE EDUCAÇÃO DE PETROLINA VAI REALIZAR PROCESSO DE SELEÇÃO SIMPLIFICADA

farnesio

farnesio

Petrolinense/Juazeirense de Arapiraca-Alagoas, é radialista com passagens pelas Rádios Jornal do Comércio de Garanhuns e Petrolina, Novo Nordeste de Arapiraca, Emissora Rural, Grande Rio AM e FM de Petrolina, Radio Cidade, Nova Indy e atualmente é âncora do Programa Bastidores da Notícia na Rádio Tropical SAT/FM de Juazeiro e editor do BlogQSP.

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *