Ação Social

HORTA COMUNITÁRIA DO POSTO DE SAÚDE DO NH4 CONTA COM MAIS DE 16 PLANTAS MEDICINAIS

 

Todos os dias, a auxiliar de serviços gerais da Unidade Básica de Saúde (UBS) do NH4/Barra Bonita, Núbia Dias, tem uma rotina diferenciada. É que além da limpeza do postinho, ela também está encarregada de cuidar da horta comunitária que fica na unidade. A iniciativa partiu da própria Equipe de Saúde da Família, que aproveitou o terreno disponível dentro da UBS.

“De manhãzinha eu chego, limpo o posto e vou lá para horta irrigar as plantas, limpar os matinhos e coloco o adubo orgânico. Também tenho o cuidado de vir aos sábados, para que as plantas não fiquem desidratadas durante o fim de semana”, conta Núbia Dias, que revela seu amor por plantas e o fato de já ter trabalhado como agricultora.

No local, mais de 16 plantas medicinais foram plantadas, como hortelã, campim santo, erva cidreira, amora miura, cavalinha, entre outros. De acordo com a gerente técnica e dentista da unidade, Juliana Guedes, os profissionais da equipe passaram por dois momentos de educação permanente, para orientações sobre as indicações das plantas, baseadas em uma cartilha do Ministério da Saúde. “Nossos pacientes podem utilizar a terapêutica baseada em plantas medicinais, como inalações para resfriados, chás de cidreira e laranja como calmantes e bochechos com camomila ou aroeira após cirurgias odontológicas”, explica.

Ainda segundo a gerente técnica, a ideia surgiu nas reuniões de equipe. “Também contamos com o apoio da comunidade para colocar em prática. O agricultor e morador aqui do NH4, Jozivaldo Sena, por exemplo, doou o sistema de irrigação para nossa horta”, salienta.

Todos os pacientes que receberam orientações sobre as plantas medicinais dos profissionais da equipe, podem retirar o que necessitam da horta.  A trabalhadora rural, Vera Lúcia, é uma dessas usuárias. “Gosto muito de chá, e uso ervas como tratamento alternativo, porque gosto de remédios naturais. Essa iniciativa é muito boa, porque além do tratamento mais simples, sei de onde estão vindo as ervas, e que elas são bem cuidadas”, elogia.

Andréa Meireles / PMJ

Previous post

ENEM TERÁ PROVA PERSONALIZADA E DETECTOR DE PONTO ELETRÔNICO PARA COIBIR FRAUDES

Next post

LANÇAMENTO DO APLICATIVO “COMER NO VALE” MOVIMENTA A CENA GASTRONÔMICA DE PETROLINA E JUAZEIRO

farnesio

farnesio

Petrolinense/Juazeirense de Arapiraca-Alagoas, é radialista com passagens pelas Rádios Jornal do Comércio de Garanhuns e Petrolina, Novo Nordeste de Arapiraca, Emissora Rural, Grande Rio AM e FM de Petrolina, Radio Cidade, Nova Indy e atualmente é âncora do Programa Bastidores da Notícia na Rádio Tropical SAT/FM de Juazeiro e editor do BlogQSP.

No Comment

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Enter Captcha Here : *

Reload Image