Polícia

CCJ DECIDE QUE PRESO DEVE CUSTEAR GASTOS NA PRISÃO COM RECURSOS PRÓPRIOS OU TRABALHO

A Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado aprovou ontem (6) projeto de lei que obriga os presos a ressarcir seus custos ao Estado. Caso o preso não tiver recursos próprios, terá de pagar com trabalho enquanto cumpre pena. Se nenhum senador apresentar recurso, o projeto segue direto para ser votado pela Câmara dos Deputados. Estima-se que o custo médio de um preso equivale a R$ 2,4 mil por mês. Autor do projeto, senador Waldemir Moka (MDB), avaliou ao jornal Estado de S.Paulo que a proposta “combate a ociosidade e evita que os presos sejam atraídos pelas facções criminosas que existem nos presídios”.

Previous post

EM PETROLINA, VEREADORES DE OPOSIÇÃO DENUNCIAM À JUSTIÇA FEDERAL, IRREGULARIDADES DA CODEVASF NA SELEÇÃO DE IRRIGANTES PARA O PONTAL

Next post

PREFEITURA ENTREGA MAIS TRÊS PRÊMIOS DA CAMPANHA IPTU DÁ SORTE

farnesio

farnesio

Petrolinense/Juazeirense de Arapiraca-Alagoas, é radialista com passagens pelas Rádios Jornal do Comércio de Garanhuns e Petrolina, Novo Nordeste de Arapiraca, Emissora Rural, Grande Rio AM e FM de Petrolina, Radio Cidade, Nova Indy e atualmente é âncora do Programa Bastidores da Notícia na Rádio Tropical SAT/FM de Juazeiro e editor do BlogQSP.