Administração

UNIVASF REALIZARÁ I SEMANA DA AGRICULTURA ORGÂNICA, AGROECOLÓGICA E SEGURANÇA ALIMENTAR E NUTRICIONAL DE 18 A 20 DE SETEMBRO

O Programa de Pós-Graduação em Extensão Rural (PPGExR) e o Núcleo de Pesquisa e Estudos Sertão Agroecológico da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf) promoverão a primeira edição da Semana da Agricultura Orgânica, Agroecológica e Segurança Alimentar e Nutricional. O evento será realizado de terça (18) a quinta-feira (20), é gratuito e aberto a estudantes, agricultores, agentes técnicos em extensão rural e demais interessados. As atividades acontecerão em diferentes locais, nas cidades e Petrolina e Juazeiro.

programação terá início às 8h30, na terça-feira (18), com a atividade Intercâmbio de Saberes Escola/Horta, na Escola de Referência em Ensino Médio Clementino Coelho (EREMCC), em Petrolina. Na quarta-feira (19), haverá mesas redondas que irão acontecer no Espaço Plural da Univasf, em Juazeiro. As temáticas serão: “Diferenças entre a Produção Orgânica e Agroecológica (principais diretrizes)”, “Assistência Técnica e Extensão Rural (ATER) para irrigantes”, “O que é Segurança Alimentar e Nutricional (SAN)?” e “Circuitos curtos de comercialização e certificação orgânica”. Será preciso se inscrever apenas para as mesas redondas, no local do evento.

E, na quinta-feira (20), para encerrar as atividades da I Semana da Agricultura Orgânica, Agroecológica e Segurança Alimentar e Nutricional, serão realizadas duas oficinas. Uma delas será sobre Culinária com Plantas Alimentícias Não Convencionais (PANCS) e a outra será sobre Compostagem Doméstica. AS oficinas vão acontecer na feira orgânica de Juazeiro, localizada na Casa do Artesão, orla de Juazeiro, próximo ao Vaporzinho, a partir das 16h.

De acordo com Helder Freitas, professor do Colegiado de Engenharia Agronômica e do PPGExR e organizador do evento, o objetivo da I Semana da Agricultura Orgânica, Agroecológica e Segurança Alimentar e Nutricional é discutir sobre a produção de alimentos como estilo de vida e não como mercantilização da agricultura. Além disso, pretende-se problematizar e alertar a população sobre agregação de valor que precisa ser dada à agricultura orgânica sob uma perspectiva agroecológica.

“A região é referência na produção agrícola, porém, existe o problema da contaminação por agrotóxicos e agroquímicos. Por isso, pretendemos socializar iniciativas, construir políticas públicas e ações de apoio, unindo militantes, cientistas e técnicos agrícolas e colocando em prática ações que possibilitem que a região produza alimentos de qualidade e valorize modos de produção agroecológicos”, afirma Freitas.

O evento é promovido em parceria com a Rede Territorial de Agroecologia, o Instituto Regional da Pequena Agropecuária Apropriada (IRPAA), a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), a Associação de Produtoras e Produtores Orgânicos do Vale do São Francisco (Aprovasf) e o Núcleo de Agroecologia do Semiárido.

Previous post

PREFEITURA DE JUAZEIRO OFERECE CURSOS PROFISSIONALIZANTES PARA MORADORES DA POLIGONAL URBANA

Next post

COM APOIO DA PREFEITURA, POLO DO CONSELHO REGIONAL DE EDUCAÇÃO FÍSICA VOLTA A FUNCIONAR EM PETROLINA

farnesio

farnesio

Petrolinense/Juazeirense de Arapiraca-Alagoas, é radialista com passagens pelas Rádios Jornal do Comércio de Garanhuns e Petrolina, Novo Nordeste de Arapiraca, Emissora Rural, Grande Rio AM e FM de Petrolina, Radio Cidade, Nova Indy e atualmente é âncora do Programa Bastidores da Notícia na Rádio Tropical SAT/FM de Juazeiro e editor do BlogQSP.