AgriculturaEducação

COMEÇA HOJE EM JUAZEIRO/PETROLINA, A I SEMANA DA AGRICULTURA ORGÂNICA, AGROECOLÓGICA E SEGURANÇA ALIMENTAR E NUTRICIONAL DA UNIVASF

O Programa de Pós-Graduação em Extensão Rural (PPGExR) e o Núcleo de Pesquisa e Estudos Sertão Agroecológico da Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf) promoverão a primeira edição da Semana da Agricultura Orgânica, Agroecológica e Segurança Alimentar e Nutricional. O evento será realizado desta terça (18) a quinta-feira (20), é gratuito e aberto a estudantes, agricultores, agentes técnicos em extensão rural e demais interessados. As atividades acontecerão em diferentes locais, nas cidades e Petrolina e Juazeiro.

programação terá início às 8h30, de hoje (18), com a atividade Intercâmbio de Saberes Escola/Horta, na Escola de Referência em Ensino Médio Clementino Coelho (EREMCC), em Petrolina. Na quarta-feira (19), haverá mesas redondas que irão acontecer no Espaço Plural da Univasf, em Juazeiro. As temáticas serão: “Diferenças entre a Produção Orgânica e Agroecológica (principais diretrizes)”, “Assistência Técnica e Extensão Rural (ATER) para irrigantes”, “O que é Segurança Alimentar e Nutricional (SAN)?” e “Circuitos curtos de comercialização e certificação orgânica”. Será preciso se inscrever apenas para as mesas redondas, no local do evento.

E, na quinta-feira (20), para encerrar as atividades da I Semana da Agricultura Orgânica, Agroecológica e Segurança Alimentar e Nutricional, serão realizadas duas oficinas. Uma delas será sobre Culinária com Plantas Alimentícias Não Convencionais (PANCS) e a outra será sobre Compostagem Doméstica. AS oficinas vão acontecer na feira orgânica de Juazeiro, localizada na Casa do Artesão, orla de Juazeiro, próximo ao Vaporzinho, a partir das 16h.

De acordo com Helder Freitas, professor do Colegiado de Engenharia Agronômica e do PPGExR e organizador do evento, o objetivo da I Semana da Agricultura Orgânica, Agroecológica e Segurança Alimentar e Nutricional é discutir sobre a produção de alimentos como estilo de vida e não como mercantilização da agricultura. Além disso, pretende-se problematizar e alertar a população sobre agregação de valor que precisa ser dada à agricultura orgânica sob uma perspectiva agroecológica.

“A região é referência na produção agrícola, porém, existe o problema da contaminação por agrotóxicos e agroquímicos. Por isso, pretendemos socializar iniciativas, construir políticas públicas e ações de apoio, unindo militantes, cientistas e técnicos agrícolas e colocando em prática ações que possibilitem que a região produza alimentos de qualidade e valorize modos de produção agroecológicos”, afirma Freitas.

O evento é promovido em parceria com a Rede Territorial de Agroecologia, o Instituto Regional da Pequena Agropecuária Apropriada (IRPAA), a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), a Associação de Produtoras e Produtores Orgânicos do Vale do São Francisco (Aprovasf) e o Núcleo de Agroecologia do Semiárido.

Previous post

OBRA DE REQUALIFICAÇÃO DA AV. ADOLFO VIANA AVANÇA COM A DEMOLIÇÃO DO 2º TRECHO DO CANTEIRO CENTRAL

Next post

CSTT VOLTA ATRÁS E ADIA IMPLANTAÇÃO DO ZONA AZUL NA RUA DR. CUNHA MELO

farnesio

farnesio

Petrolinense/Juazeirense de Arapiraca-Alagoas, é radialista com passagens pelas Rádios Jornal do Comércio de Garanhuns e Petrolina, Novo Nordeste de Arapiraca, Emissora Rural, Grande Rio AM e FM de Petrolina, Radio Cidade, Nova Indy e atualmente é âncora do Programa Bastidores da Notícia na Rádio Tropical SAT/FM de Juazeiro e editor do BlogQSP.