Política

GRAMPO DA PF PEGA CANDIDATO A DEPUTADO DO PT ORDENANDO COMPRA DE VOTOS; OUÇA

Petista foi preso nesta 6ª; Caso ocorreu no Acre .

Um grampo da Polícia Federal flagrou o candidato a deputado estadual do Acre Nil Figueiredo (PT) ordenando a compra de votos na eleição. Segundo a PF, Nil orientava seus cabos eleitorais a oferecer “vantagens” aos eleitores. Um dos diálogos interceptados pela Polícia Federal mostra Nil falando com 1 de seus cabos eleitorais que relata ter conseguido comprar 10 votos. Eis a transcrição:

“Eu ajeitei ali pra coisar 10 aí… Um cara ali pra ‘negoçar’ 10”, disse o cabo eleitoral de Nil.

“Não entendi, como é que é?”, perguntou o petista.

“Eu ajeitei ali pro cara ajeitar 10.”

“10 de que?”, questiona o candidato.

“10 votos”, disse o homem.

“Ah, maravilha, ótimo!”, diz Nil.

“Eu dei dinheiro pro cara, lá, tá?”, avisou o interlocutor.

Ouça o momento (3min41seg):

Nil Figueiredo é presidente do Iteracre (Instituto de Terras do Acre). Ele e outros 7 servidores do órgão, que eram seus cabos eleitorais, foram presos nesta 6ª feira (19.out.2018) pela Operação Democracia. Além de compra de votos, o petista é acusado de transporte irregular de eleitores, uso ilegal de instalações públicas para fins eleitorais, peculato e associação criminosa.

Candidato a deputado estadual, Nil obteve 2.161 votos e não conseguiu se eleger.

Leia a íntegra da nota da Polícia Federal sobre o caso:

“A Polícia Federal deflagrou nesta sexta-feira (19/10) a Operação Democracia, com a finalidade de combater a prática de crimes eleitorais de compra de votos, transporte irregular de eleitores, uso ilegal de instalações públicas para fins eleitorais, peculato e associação criminosa.

Estão sendo cumpridos 8 mandados de prisão, 22 mandados de busca e apreensão e 4 mandados de condução coercitiva de testemunhas, expedidos pela Justiça Eleitoral do Acre.

As investigações tiveram início a partir da constatação de desvio de recursos públicos que ocorria dentro do ITERACRE, o órgão estadual responsável pela política fundiária no Acre. O esquema funcionava com a intenção de obter apoio eleitoral para a campanha do diretor-presidente do ITERACRE e envolvia o pagamento de diárias a servidores para custeio de viagens que não eram realizadas.

Constatou-se, também, que durante o atual período eleitoral diversas instalações públicas, inclusive uma escola, e vários veículos oficiais do ITERACRE foram utilizados para beneficiar a campanha eleitoral do responsável pelo Instituto, que foi candidato a deputado estadual.

A Polícia Federal conseguiu identificar que o grupo criminoso ligado a esse candidato era formado majoritariamente por servidores públicos e ocupantes de cargos em comissão do ITERACRE e que cometeu diversos outros crimes eleitorais, organizando-se e transportando eleitores, desviando combustível do órgão para benefício eleitoral e oferecendo vantagens indevidas em troca de votos nas eleições do último dia 7/10″.

GOVERNO DO ACRE AFASTA FUNCIONÁRIOS

Após a operação, o governo do Acre, comandado pelo petista Tião Viana, divulgou nota informando que os servidores alvos da operação foram afastados do cargo. Leia a íntegra do comunicado:

“Ao tomar conhecimento da operação desencadeada pela Polícia Federal, no Instituto de Terra do Acre (Iteracre), o governador Tião Viana determinou pelo afastamento de todos os servidores envolvidos que ocupem função de confiança, até que a denúncia seja esclarecida, para evitar juízo de valor antecipado sobre quem quer que seja.

A Controladoria-Geral do Estado, pautada em sua função de realizar o controle interno do Governo, sempre orientou todos os órgãos a tratar seus processos com ética, transparência e lisura.

Ao longo de seus dois mandatos, o governador Tião Viana determinou tolerância zero em caso de corrupção, mas respeita a presunção de inocência até que se cumpra os ritos legais.

Leonildo Rosas

Porta-voz do Governo do Estado do Acre”

Previous post

PREFEITURA DIVULGA NOVO CRONOGRAMA DE PROCESSO SELETIVO DEVIDO ALTO NÚMERO DE INSCRITOS

Next post

OPERAÇÃO NA ZONA RURAL DE JUAZEIRO APREENDE ARMA, DROGAS E EXPLOSIVOS

farnesio

farnesio

Petrolinense/Juazeirense de Arapiraca-Alagoas, é radialista com passagens pelas Rádios Jornal do Comércio de Garanhuns e Petrolina, Novo Nordeste de Arapiraca, Emissora Rural, Grande Rio AM e FM de Petrolina, Radio Cidade, Nova Indy e atualmente é âncora do Programa Bastidores da Notícia na Rádio Tropical SAT/FM de Juazeiro e editor do BlogQSP.