Política

TÉCNICOS DA CODEVASF VISITAM PINDOBAÇU, NO NORTE BAIANO

Acompanhado de técnicos da 6ª superintendência regional da Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf), em Juazeiro (BA), o superintendente regional, Elmo Nascimento, visitou o município de Pindobaçu, na região centro norte do estado, onde foi recebido por servidores municipais e integrantes de entidades representativas de produtores rurais.
O superintendente conheceu algumas iniciativas que já estão sendo realizadas na sede e interior do município nas áreas de artesanato mineral, agricultura familiar irrigada, piscicultura, apicultura e ovinocaprinocultura.
“Diante do que estamos vendo, a Codevasf pode ser parceira desta comunidade e da prefeitura para poder desenvolver ainda mais toda esta região”, afirmou Elmo Nascimento.
Nas comunidades por onde a comitiva passou, os moradores se mostraram estimulados com a oportunidade de mostrar o potencial produtivo e diversificado da região bem como a possibilidade de participarem de ações para promover a geração de emprego e renda e outros benefícios oferecidos pela  companhia.
Segundo o Gerente Regional de Gestão Estratégica da Codevasf em Juazeiro, Joselito Menezes, a superintendência “poderá apoiar atividades econômicas que já estão sendo realizadas, além de implantar projetos estruturantes na área de abastecimento de água, com o intuito de ampliar essas ações com base no potencial econômico já apresentado pelo município”.
A comitiva visitou ainda a barragem de Ponto Novo, que abastece toda aquela região, e também manteve contato com piscicultores locais, para analisar o potencial produtivo desta atividade.
A programação incluiu também uma visita a pequenos produtores familiares, com o objetivo de conhecer os processos produtivos adotados por eles, principalmente no que se refere à irrigação.
Pindobaçu
O município de Pindobaçu fica localizado a aproximadamente 170 km de Juazeiro e 380 km de Salvador. Com cerca de 20 mil habitantes, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a cidade sempre demonstrou um potencial econômico voltado para produção de minérios e pedras preciosas, mas a visita técnica constatou que existem outras possibilidades produtivas no município que podem ser fomentadas.
Previous post

PREFEITO SOLICITA AO DENIT RETORNO DA OBRA DA TRAVESSIA URBANA DE JUAZEIRO

Next post

CAMPANHA DOCE NATAL 2018 É INICIADA EM AFRÂNIO COM CHEGADA DE PAPAI NOEL

farnesio

farnesio

Petrolinense/Juazeirense de Arapiraca-Alagoas, é radialista com passagens pelas Rádios Jornal do Comércio de Garanhuns e Petrolina, Novo Nordeste de Arapiraca, Emissora Rural, Grande Rio AM e FM de Petrolina, Radio Cidade, Nova Indy e atualmente é âncora do Programa Bastidores da Notícia na Rádio Tropical SAT/FM de Juazeiro e editor do BlogQSP.