Educação

Chegada do curso de medicina na FACAPE tem apoio da Univasf e projeto de ampliação do hospital Universitário (Traumas)

Um encontro entre o presidente da Faculdade de Ciências Aplicadas e Sociais de Petrolina, Professor Antônio Habib e o reitor da Universidade Federal do Vale do São Francisco, Professor Julianeli Tolentino, ocorrido na tarde de quinta-feira (20) estabeleceu o início de uma brilhante parceria entre as instituições.

Com os preparativos para a instalação do curso de medicina na Facape, a pauta da reunião tratou da assinatura do Protocolo de Intenções referente ao uso de estruturas e equipamentos, mas, principalmente, para a implementação de projetos de ampliação do Hospital Universitário e do quadro de pessoal, através de estratégias para obtenção de investimentos, que favoreçam os cursos, tanto da Facape, quanto da Univasf.

Também estiveram presentes na reunião, o superintendente do Hospital Universitário da Univasf, Ronald Mendes; o vice-reitor da Univasf, Professor Telio Nobre Leite; a pró-reitora de ensino da Univasf, professora Mônica Tomé; o diretor executivo da Facape, professor José Alberto e a diretora acadêmica da Facape, professora Vânia Lasalvia.

O presidente da Facape, professor Antônio Habib afirma que este é um projeto que beneficiará a população da região do Vale do São Francisco, com um curso voltado para a saúde da família, onde os estudantes estarão atuando nas unidades de saúde das redes municipais, não somente em Petrolina, mas em diversos municípios dos Estados de Pernambuco e Bahia.

“Outro objetivo do curso também, é trazer a conscientização desses estudantes para que, enquanto médicos, permaneçam na região cuidando das nossas comunidades”, afirma Habib.

Para o reitor da Universidade Federal do Vale do São Francisco, Professor Julianeli Tolentino, a parceria entre Facape e Univasf consolida uma significativa contribuição tanto no processo de formação do estudante de graduação e de pós-graduação, quanto para o desenvolvimento das próprias instituições. A cooperação entre as instituições de ensino também propõe o fortalecimento de acordos já firmados anteriormente.

“Nós já temos um convênio de mobilidade discente e estamos discutindo um convênio para mobilidade docente, é assim que nós vamos nos ajudando e consequentemente contribuindo para melhores resultados em relação à qualidade de vida da população aqui da nossa região”, afirma Julianeli.

Ascom

Previous post

Último dia de Carnaval em Salvador tem Bell, Claudia, Léo, Parangolé, Tuca, Daniela, Ivete e Brown

Next post

A segunda-feira de Carnaval na da Praça 21 de Setembro teve folia mirim e fantasias caprichadas

farnesio

farnesio

Petrolinense/Juazeirense de Arapiraca-Alagoas, é radialista com passagens pelas Rádios Jornal do Comércio de Garanhuns e Petrolina, Novo Nordeste de Arapiraca, Emissora Rural, Grande Rio AM e FM de Petrolina, Radio Cidade, Nova Indy e atualmente é âncora do Programa Bastidores da Notícia na Rádio Tropical SAT/FM de Juazeiro e editor do BlogQSP.