Educação

inscrições abertas para o XXIII Encontro de Genética do Nordeste (Engene), que acontecerá na Univasf

Gersica Brito – 

“Genética: da produção de alimentos à saúde única” é o tema da 23ª edição do Encontro de Genética do Nordeste (Engene), organizado pela Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf) em conjunto com outras universidades da região.

O Engene acontecerá simultaneamente ao “V Simpósio de Genética Humana e Médica do Nordeste” e ao “IV Simpósio de Genética Forense do Nordeste”, no período de 2 a 5 de junho no Complexo Multieventos, no Campus Juazeiro (BA) da Univasf. A submissão de trabalhos pode ser realizada até 10 de março e as inscrições gerais até o dia do evento.

A programação é direcionada a pesquisadores, professores e alunos das áreas de Genética, Ciências Biológicas, Saúde, Meio Ambiente e Agropecuária. Os interessados devem efetuar a inscrição pelo site do Engene. As taxas de inscrição variam entre R$ 100,00 e R$ 440,00 a depender a categoria do participante e da data de inscrição. A submissão de trabalhos só poderá ser realizada após a confirmação do pagamento da taxa, verificação da comprovação de matrícula dos estudantes e, para os sócios da Sociedade Brasileira de Genética, a confirmação de pagamento da anuidade.

O encontro conta com sete áreas para submissão de trabalhos: Genética Forense, Humana e Médica; Genômica, Bioinformática e Biologia de Sistemas; Genética, Evolução e Melhoramento Animal; Genética, Evolução e Melhoramento de Plantas; Genética de Microrganismos; Ensino de Genética e Evolução; Mutagênese e Farmacogenética. Cada participante poderá submeter até dois resumos como autor apresentador. As regras de submissão estão no site.

Este ano, os participantes que submeterem trabalho terão a oportunidade de concorrer ao Prêmio Engene Jovem Cientista. A premiação será atribuída para os melhores trabalhos, divididos em duas categorias: estudantes de graduação e estudantes de pós-graduação. O aluno premiado com o primeiro lugar em cada categoria receberá o certificado e um prêmio em dinheiro, na solenidade de encerramento. O regulamento do prêmio está na página do Engene.

A programação desta edição irá contar com minicursos, palestras, conferências, apresentações de trabalhos nos formatos oral e banner. As inscrições para os minicursos possuem uma taxa que varia entre R$ 35,00 e R$60,00, também a depender a categoria do participante e da data de inscrição. Também será realizado o “Genética no Parque”, que promoverá exposições, oficinas e palestras voltadas a professores e alunos do ensino médio, no Parque Municipal Josepha Coelho, em Petrolina (PE), para apresentar novas maneiras didáticas e lúdicas de ensinar e aprender genética.

A presidente do evento e professora do Colegiado de Zootecnia da Univasf, Gisele Veneroni Gouveia, ressalta que o evento receberá pesquisadores e professores com grande experiência. “Isso permite ao participante atualização e discussão de temas das diversas áreas da Genética”, destaca Gisele.

Empresas, editoras e instituições de pesquisa também contarão com um espaço para exposição. Palestras técnicas serão apresentadas por empresas representantes de produtos nacionais e importados que se aplicam em técnicas que envolvem a Genética e a Biotecnologia.

O Engene acontece a cada dois anos. Sua primeira edição aconteceu em 1984 por iniciativa de pesquisadores nordestinos da área de Genética. Na última edição, em 2018, realizada em Natal (RN), o evento contou com cerca de 700 participantes

Previous post

Flávio Leandro destaca diversidade musical do Carnaval de Juazeiro

Next post

Paulo Valgueiro volta atacar administração do prefeito Miguel Coelho

farnesio

farnesio

Petrolinense/Juazeirense de Arapiraca-Alagoas, é radialista com passagens pelas Rádios Jornal do Comércio de Garanhuns e Petrolina, Novo Nordeste de Arapiraca, Emissora Rural, Grande Rio AM e FM de Petrolina, Radio Cidade, Nova Indy e atualmente é âncora do Programa Bastidores da Notícia na Rádio Tropical SAT/FM de Juazeiro e editor do BlogQSP.