Cultura

Música e poesia dão o tom durante homenagem ao Dia dos Professores

Professores que apresentam, cantam, recitam, tocam e dançam. Foi um verdadeiro show de talentos a homenagem ao dia dos mestres da educação que o Plenus Colégio e Curso promoveu na noite desta quarta-feira (14). Realizada no formato de live em decorrência do isolamento social pela Covid -19, a comemoração do Dia do Professor/ Colaborador  deste ano, começou com o professor Marcos Freire no papel de apresentador de auditório.

Depois de declamar um poema ressaltando a importância do professor para a formação de todas as outras profissões, o professor/apresentador iniciou os trabalhos mostrando alguns vídeos enviados por alunos da escola. De sanfona no peito a vice-diretora, Denise Martorelli, mostrou em seguida que também sabe educar puxando um fole de oito baixos.

Mesclando poesia e teatro, a live/show prosseguiu com o talento dramático da diretora Pedagógica Silvia Santos em dueto com o professor Aparecido Souza, declamando versos de Carlos Drummond de Andrade, Ferreira Gulart e Manoel Bandeira. Na sequência, mais participações online de alunos e, em memória, um vídeo conversa sobre Educação com a professora e fundadora da escola, Simone Cerqueira Ramos, falecida há cinco anos, vítima de um câncer.

Para falar sobre o papel do educador enquanto construtor de um novo tempo, os professores Patrícia Cunha e Bruno de Oliveira fizeram uma bonita reflexão e os poetas amigos do Plenus, Isnaldo Nogueira e Carlos Laerte recitaram poemas de autoria própria.

E encerrando as homenagens ao professor, que é comemorado em todo País no dia 15 de outubro, o cantor, compositor e sócio da escola, Nilton Freitas, cantou uma música feita especialmente para os homenageados destacando o papel dos professores nesse novo tempo. Depois os demais participantes subiram ao palco encerrando a live ao som do repertório de Música Popular Brasileira e do violão de Nilton Freitas.

Previous post

livro lançado este ano por professor da Univasf descreve a relação controversa entre ciência e política durante a Ditadura militar

Next post

Mega-Sena, concurso 2.308: aposta de Santos ganha sozinha mais de R$ 6,6 milhões

farnesio

farnesio

Petrolinense/Juazeirense de Arapiraca-Alagoas, é radialista com passagens pelas Rádios Jornal do Comércio de Garanhuns e Petrolina, Novo Nordeste de Arapiraca, Emissora Rural, Grande Rio AM e FM de Petrolina, Radio Cidade, Nova Indy e atualmente é âncora do Programa Bastidores da Notícia na Rádio Tropical SAT/FM de Juazeiro e editor do BlogQSP.