Manifestação

O Sindicato dos Comerciários de Juazeiro não concorda com passeata programada para esta segunda-feira (06)

O Sindicato dos Comerciários de Juazeiro não concorda em por a vida dos trabalhadores em risco, e por isso é contra a passeata que está programada para esta segunda-feira (06). A preocupação maior é a saúde do trabalhador, e está ação fere todas as medidas preconizadas pela Organização Mundial de Saúde.
A direção da entidade acredita que o aumento no número de casos de Covid-19 em Juazeiro não está ligado ao funcionamento do comércio e pede que seja  retomado suas atividades seguindo rigorosamente todas as medidas preventivas contra o coronavírus, com o uso do álcool em gel em todos os estabelecimentos, uso constante de máscara, respeitando o distanciamento, entre demais medidas determinadas pela OMS.
É necessário outras estratégias para que seja solicitado ao poder municipal a reabertura do comércio e que sejam amenizados os impactos financeiros com o fechamento do mesmo.
Previous post

Outro ´homem-bomba´ do governo Bolsonaro promete revelações para breve

Next post

Curaçá registra mais duas (2) curas clínicas e um caso positivo para o COVID- 19

farnesio

farnesio

Petrolinense/Juazeirense de Arapiraca-Alagoas, é radialista com passagens pelas Rádios Jornal do Comércio de Garanhuns e Petrolina, Novo Nordeste de Arapiraca, Emissora Rural, Grande Rio AM e FM de Petrolina, Radio Cidade, Nova Indy e atualmente é âncora do Programa Bastidores da Notícia na Rádio Tropical SAT/FM de Juazeiro e editor do BlogQSP.