Política

Serra chorou e implorou a executivo da Odebrecht que não o delatasse

A jornalista Bela Megale relata nesta sexta-feira 3/VII, em sua coluna no Globo, que o senador José Serra (PSDB-SP) chorou e implorou que um dos executivos da Odebrecht não o delatasse, em 2016. Naquele ano, o tucano marcou encontro com um dos delatores da Odebrecht, que prometia entregar detalhes de esquemas envolvendo o próprio Serra e sua filha, Verônica – ambos foram denunciados pela Lava Jato nesta sexta por lavagem de dinheiro transnacional.

A reunião aconteceu na casa de um funcionário de Serra, em São Paulo.

Segundo Bela Megale, a conversa foi tensa. “Serra chorou, desesperou-se, e suplicou para que o executivo o poupasse. Aos prantos, o tucano disse que sua vida estaria acabada. Não teve jeito. Serra foi delatado e, quatro anos depois do encontro, tornou-se alvo de uma denúncia e de buscas da Lava-Jato”, escreve a jornalista

Previous post

Executivo constrói passagem no Canal Mulungu em Juazeiro

Next post

Projeto de lives intitulado “Em casa com Katu” promove discussão sobre os desafios da cultura em tempos de pandemia e fascismo

farnesio

farnesio

Petrolinense/Juazeirense de Arapiraca-Alagoas, é radialista com passagens pelas Rádios Jornal do Comércio de Garanhuns e Petrolina, Novo Nordeste de Arapiraca, Emissora Rural, Grande Rio AM e FM de Petrolina, Radio Cidade, Nova Indy e atualmente é âncora do Programa Bastidores da Notícia na Rádio Tropical SAT/FM de Juazeiro e editor do BlogQSP.