Educação

Solenidade marca inicio das obras do IFBA em Juazeiro

A educação pública de Juazeiro inicia o ano de 2013 com uma grande conquista. Neste dia 10 de janeiro, o prefeito Isaac Carvalho e o reitor em exercício e pró-reitor de Desenvolvimento Institucional e Infraestrutura do Instituto Federal da Bahia (IFBA), Anilson Gomes autorizaram, oficialmente, a construção do prédio próprio do Campus da IFBA no município.

Os investimentos ultrapassam os 9 milhões de reais. A área total do terreno é de aproximadamente 40 mil/m², sendo mais de sete mil metros quadrados de área construída. A obra contempla a construção de um pavilhão acadêmico com 12 salas de aula, laboratórios, biblioteca, salas de áudio-visual, auditório, setor administrativo, prédio de apoio, além da guarita e do ginásio poliesportivo. A princípio o Campus de Juazeiro irá atender a 1500 estudantes.

Sobre os cursos de formação profissional que serão oferecidos pelo Instituto, Anilson Gomes informou que os mesmos serão discutidos com setores da sociedade através de audiências públicas, de forma a identificar qual a vocação, qual a necessidade real do município.

Quanto ao corpo funcional, Anilson Gomes disse que a expectativa é de que sejam contratados, por meio de concurso público, um número de 60 professores e 40 técnicos administrativos. “Tanto os professores como os estudantes serão selecionados através de exames. Então é bom todos irem se preparando porque assim que tivermos o prédio erguido vamos dotar essa instituição daquilo que ela merece”, informou Gomes.

Hoje o IFBA tem unidades em 19 municípios baianos, entre Campus e núcleos avançados. Juazeiro há dois anos dispõe de um núcleo avançado ligado ao Campus de Paulo Afonso, custeado integralmente pelo município em parceria com o Instituto. “Desde o primeiro momento encontramos o apoio irrestrito do prefeito e de toda sua equipe para que hoje pudéssemos estar aqui iniciando essa obra. O Instituto vem com a intenção clara de promover o desenvolvimento local e isso nos alegra muito”, disse o reitor em exercício.

Para o secretário de Educação e Esportes do município, Clériston Andrade, Juazeiro hoje vive um momento novo porque o governo entendeu que investir em educação é investir em desenvolvimento. “Não precisa ser especialista, sociólogo, economista para perceber o quanto Juazeiro cresce. Mas como alicerce desse desenvolvimento nós precisamos investir forte em educação, investir na educação básica que é tarefa do município, na formação desses meninos que depois ingressarão em institutos e instituições como IFBA”, disse o secretário, lembrando que o dia de hoje só foi possível pela articulação política que o prefeito Isaac e o deputado Daniel Almeida realizaram junto aos governos do Estado e Federal para que o município fosse atendido com mais esse investimento público.

O Assessor Estratégico e um dos responsáveis pela viabilização do terreno, junto ao empresariado local, Flávio Luiz Ribeiro, comentou sobre a dificuldade de encontrar uma área no município que atendesse a necessidade do Instituto. “Algumas áreas eram pequenas, outras não atendiam a localização geográfica que o IFBA queria. Quando encontramos esse terreno e procuramos o proprietário, o senhor Gilmar Caxias, esse foi parceiro imediato do município. Então, que essa atitude de Gilmar sirva de exemplo para outros empresários porque é preciso pensar o progresso como algo que se constroe ao longo do tempo e que precisa que todos que aqui vivem trabalhem por Juazeiro”, disse, Flávio.

O prefeito Isaac Carvalho lembrou que essa era uma conquista aguardada pela população há mais de 20 anos. “Ficávamos alegre porque o município vizinho tinha o instituto e triste porque Juazeiro não tinha. Mas hoje estamos dando esse avanço, fortalecendo a educação com a conquista de dois institutos para a região do São Francisco”, disse Isaac.

“Para mim nenhuma obra é tão importante quanto uma obra que vem trazer crescimento para a nossa cidade, como é uma obra de educação. Recuperar uma avenida, uma estrada pode levar um ano, dois, traz um transtorno, mas passa. Agora o atraso na educação não se recupera da noite pro dia. Por isso o governo priorizou tanto a educação, porque entendemos que ela é a base do desenvolvimento”, discursou Isaac Carvalho.

Previous post

Segurança do trabalho: HRJ segue com cronograma semestral de treinamentos em 2013

Next post

Parabéns Geraldinho do Jatobá

thiago

thiago

No Comment

Leave a reply