Política

Criticada por Leo Dias, Ivete manda indireta: ‘Não quero corrida enlouquecida por posto’

BN – No mesmo dia em que o jornalista Leo Dias publicou uma crítica sobre a carreira de Ivete Sangalo, a baiana decidiu desabafar no show que fez no Rio de Janeiro, neste final de semana. No artigo, o colunista do UOL a ataca ao dizer que ela é uma “tragédia” nas plataformas digitais. “Nunca esteve no Top 10 das mais ouvidas, mesmo com quase 30 milhões de seguidores no Instagram, e o Spotify revela que a taxa de ‘skip’ dela é muito alta, o que significa que as pessoas pulam a música de Ivete para outra, quando a cantora aparece na playlist”, escreveu.

Disse ainda que seu último sucesso foi há quatro anos, na música “O Farol”. O texto em questão teve como função tentar explicar a unanimidade da artista no cenário musical e o motivo dela ainda ser – na opinião dele – a maior do país. Dias aponta que ela é a sobrevivente do Axé Music, ritmo que musical que “faliu” – de acordo com sua análise – , e que ninguém a supera no palco. “A interação dela com o público é algo sobrenatural. Ela tem um grande espírito de liderança. O que ela pede, o público faz. Mesmo aos 48 anos de idade, Ivete ainda é a maior showoman no Brasil”, determinou.

Mais tarde seu show, sem citar nomes, Ivete fez um desabafo em que afasta essa corrida para ser “a melhor”. “Sinto muita gratidão e eu sei que vocês entendem isso. Mas eu gostaria demais que vocês também entendam a energia da minha alma, da minha pessoa e da minha música. Quero dizer que toda a minha caminhada é em benefício dessa alegria de estar cantando. Eu não quero jamais causar qualquer problema a outra pessoa ou fazer parte de uma corrida enlouquecida por posto. Nós sabemos que a vida é breve e esses postos caem à medida que a vida vai nos ensinando. Eu estou aqui inteira e com o coração cheio de amor por vocês”, escreveu. Assista

Previous post

O arrependido Lobão: 'O Bolsonazismo é uma doença que assola o Brasil, uma doença paranóica'

Next post

Juazeiro inicia a Semana Nacional de Mobilização Contra o Aedes Aegypiti

farnesio

farnesio

Petrolinense/Juazeirense de Arapiraca-Alagoas, é radialista com passagens pelas Rádios Jornal do Comércio de Garanhuns e Petrolina, Novo Nordeste de Arapiraca, Emissora Rural, Grande Rio AM e FM de Petrolina, Radio Cidade, Nova Indy e atualmente é âncora do Programa Bastidores da Notícia na Rádio Tropical SAT/FM de Juazeiro e editor do BlogQSP.