Política

TCM-BA notifica prefeito de Remanso, Zé Filho, sobre abono salarial não pago a professores

O Tribunal de Conta dos Municípios da Bahia (TCM-BA) aceitou a denuncia dos vereadores João do Pinga Pinga, Didi e Humberto, todos do PCdoB, sobre o não pagamento das folhas de abono salarial, dos profissionais da educação referente ao ano de 2018, que consta na prestação de contas do município como tivessem sido pagas.

O conselheiro José Alfredo Rocha Dias, notificou o prefeito José Clementino de Carvalho Filho para que se manifeste pela denuncia e que apresente arquivo de retorno gerada pela instituição bancária devidamente assinada pelo gerente, estabelecendo-se um prazo até o dia 22 de novembro para que o mesmo apresente sua manifestação.

O vereador Humberto Almeida, acredita que com esses arquivos de retorno, os professores e demais servidores saberão o destino do dinheiro que deviria ter sido usado para o pagamento do abono.

ASCOM PCdoB Remanso

Previous post

Pernambuco em alerta total contra o sarampo; Número de casos confirmados no estado sobe de 75 para 90 em oito dias

Next post

Cachê do cantor de ‘Caneta Azul’ chega a 20 mil reais: ele está com agenda cheia até o final do ano

farnesio

farnesio

Petrolinense/Juazeirense de Arapiraca-Alagoas, é radialista com passagens pelas Rádios Jornal do Comércio de Garanhuns e Petrolina, Novo Nordeste de Arapiraca, Emissora Rural, Grande Rio AM e FM de Petrolina, Radio Cidade, Nova Indy e atualmente é âncora do Programa Bastidores da Notícia na Rádio Tropical SAT/FM de Juazeiro e editor do BlogQSP.