Meio Ambiente

Univasf recebe Selo A3P do Ministério do Meio Ambiente por boas práticas de sustentabilidade

As boas práticas de sustentabilidade implementadas pela Universidade Federal do Vale do São Francisco (Univasf), por meio do Programa Univasf Sustentável, ao longo do ano de 2020 resultaram na obtenção do Selo da Agenda Ambiental na Administração Pública (A3P), concedido pelo Ministério do Meio Ambiente (MMA).

O selo A3P é concedido a órgãos e instituições públicas que aderem ao Programa Agenda Ambiental na Administração Pública e implementam práticas administrativas sustentáveis em sua gestão.

A emissão do Selo A3P às instituições ocorre após o preenchimento do Relatório de Monitoramento Socioambiental (Ressoa), uma ferramenta de medição dos resultados da aplicação do Programa, que deve ser preenchida anualmente. A Univasf aderiu à A3P em 2016 e recebeu o certificado de adesão em 2017. No ano seguinte, a Instituição recebeu o primeiro Selo A3P.

O Programa A3P visa incentivar as instituições públicas a incorporar os princípios da responsabilidade socioambiental na Administração Pública, através de ações que vão desde a mudança nos investimentos, compras e contratações de serviços pelo governo, passando pela sensibilização e capacitação dos servidores, pela gestão adequada dos recursos naturais utilizados e resíduos gerados, até a promoção da melhoria da qualidade de vida no ambiente de trabalho.

O coordenador de Gestão Ambiental da Diretoria de Desenvolvimento Institucional (DDI), vinculada à Pró-Reitoria de Planejamento e Desenvolvimento Institucional (Propladi) da Univasf, Joaquim Alves Feitosa Leitão, destaca que o selo A3P é importante para a Instituição. “Mostra a evolução das ações e das boas práticas de sustentabilidade que a Univasf vem executando no âmbito do Programa Univasf Sustentável em cumprimento aos eixos estabelecidos pela A3P”, diz Feitosa.

Entre as diversas ações já consolidadas do Programa Univasf Sustentável destacam-se a adoção da Coleta Seletiva Solidária, que faz a coleta de pilhas e baterias, óleo de cozinha, resíduos sólidos e encaminha o material a cooperativas de reciclagem da região, assim como a conscientização de servidores, funcionários terceirizados, estudantes e da comunidade externa sobre a importância da adoção de práticas sustentáveis para a preservação do meio ambiente. Neste sentido, a Univasf já realizou algumas campanhas de conscientização e lançou a cartilha Univasf Sustentável.

Feitosa ressalta que em 2020 o Programa Univasf Sustentável realizou o I Webinário Desafios da Sustentabilidade, que teve como objetivo provocar a reflexão e o debate sobre preservação do meio ambiente e uso de seus recursos naturais. Esta foi uma das ações promovidas pelo programa no ano passado destacada no registro efetuado no Ressoa.

A Univasf também conta com os Planos de Gestão Ambiental (PGA) e de Logística Sustentável (PLS) que determinam objetivos e estratégias a serem realizados visando à promoção do uso racional dos recursos na gestão da Universidade. Além das ações do programa, a Univasf integra o Conselho Municipal do Meio Ambiente (CMMA) em Juazeiro, instância de assessoramento do poder executivo municipal nas questões sobre meio ambiente. Mais informações sobre o Univasf Sustentável e as ações de sustentabilidade realizadas pela Universidade estão disponíveis no site do programa.

Previous post

MUTIRÃO DA 2ª DOSE EM DORMENTES DE VACINAÇÃO PARA FECHAMENTO DO ESQUEMA VACINAL

Next post

UNINASSAU/Petrolina concede vagas para curso de Direito pelo Prouni

farnesio

farnesio

Petrolinense/Juazeirense de Arapiraca-Alagoas, é radialista com passagens pelas Rádios Jornal do Comércio de Garanhuns e Petrolina, Novo Nordeste de Arapiraca, Emissora Rural, Grande Rio AM e FM de Petrolina, Radio Cidade, Nova Indy e atualmente é âncora do Programa Bastidores da Notícia na Rádio Tropical SAT/FM de Juazeiro e editor do BlogQSP.